13 de jul de 2010

Poema extraído dum bate-papo...

...com meu caríssimo amigo Dovico.

LAMPEJO #27

O amor acaba,
a vida acaba,
o mundo acaba...

Os amigos e os livros
permanecem.

Deste rol de desventuras
sobra nada.

Um comentário:

Dover disse...

toda conversa ainda será pouca entre nós.Mesmo enfileirando as letras nunca chegaremos a estar perto quanto queremos.

i. a fábrica engoliu homens meu pai meu avô mastigou direitinho 32 vezes mais de 30 anos os restos foram recebidos com festa em almoços de d...