27 de fev de 2015

eu me quero assim
todo eu,
todo meu
e me quero assim
comigo.

eu te quero assim
toda tu,
tão tua
pra que sejas feliz
contigo.

eu nos quero assim
tão nós mesmos,
com cada um na sua:

de lua em lua
eu me permito
te querer livre
eu mesmo livre
me ter contigo
te ter comigo
pra que vivamos
a plenitude

dessa
liberdade nua.

fazer do último suspiro vendaval terremoto deste peito inerte chorar vendavais guardados desde a primeira vez que engoli o choro iss...