20 de mai de 2016

há promessas
de revolução
de manutenção
de ultrapassagem
pela contramão
há promessas
de fugas
de retornos
de exílios
de abandonos
há promessas
de vida e de morte
(depende do ano)
há promessas e
há sonhos
há enganos e

o que
a gen
te nem
sabe
que ex
iste.

Nenhum comentário:

será fim de tarde daqui a pouco e veremos os suicidas fazendo fila em cima da ponte do tamarindo para decidir quem pula e quem não levi...