20 de fev de 2017

as perdas as dores
são tudo nomes
não passam de nomes
o luto a morte
são tudo termos
a falta a saudade
o amor
- o amor, quem diria,
não passa dum punhado
de letras signos significantes
e eu me pergunto
não fossem as palavras
doeria menos?
não fosse a literatura
seria simples?
se a ignorância abençoa
também os filhos que se
despedem lentamente
- colhendo escolhendo
palavras certas para definir
o certo o incerto a certeza
incerta diante do desconhecido
tão conhecido
: estar sozinho
e recordar.

Nenhum comentário:

[duns inéditos aí] um carimbo exatamente aqui duas assinaturas de testemunhas três vias que serão analisadas por altos funcionários e co...