14 de fev de 2017

neste pedaço de rodovia
hoje caos revolta acidente
com três mortos por semana
trânsito parado
trânsito lento
nesta rodovia de asfalto
que aguarda duplicação
há bem 20 anos
que aguarda escoar a produção
do oeste do alto vale do vale
para o porto
nesta rodovia sanguinária
onde motoristas motociclistas
e pedestres disputam quem
morre antes
                  a
                    toda
                           velocidade

passamos.

ainda não havia asfalto
nem mortos nem cruzes
tampouco catadriópticos
que sinalizassem
de que lado se vai e vem.

passamos
quando ainda era pedra brita
terraplanagem acinzentada
meu pai dirigia a variant
verde-abacate e ouvia alguma
fita de chitãozinho & xororó
ou similares.

a mãe decerto não aprovou
transitar pela rodovia fechada
para trânsito de automotores
que não fossem tratores que
finalizassem a obra
que fizessem o tapete negro
onde depois tantas mães
esposas maridos pais & filhos
chorariam seus mortos.

mas o pai tinha bebido e
devia estar corajoso quando
embicou o velho volks uns
poucos quinhentos metros
e eu vibrava pela proibição
eu vibrava pela aventura
transitar onde nunca antes
transitar como se não fosse
domingo e estivéssemos saindo
de férias a toda velocidade
pela rodovia que ainda não
fora completada terminada
inaugurada.

passamos e sobrevivemos
talvez até tenhamos sorrido
e nem parecia
nem parecia que éramos nós
e que era domingo.

Nenhum comentário:

[duns inéditos aí] um carimbo exatamente aqui duas assinaturas de testemunhas três vias que serão analisadas por altos funcionários e co...